Exmo Sr Aníbal Coutinho

Sinto vergonha, pejo e repugnância por figurar entre os nomeados para Blog de Vinho do Ano, Prémios W 2020 de Aníbal Coutinho, crítico de vinhos e enólogo.

A partir de hoje não lhe dou autorização para usar o meu nome nem o meu blog na sua Newsletter e demais ferramentas sociais.

Actualmente, pessoalmente, não lhe reconheço qualquer tipo de legitimidade, coerência, nem competências para tal.

Porque o “pensamento livre” – como diz no seu texto introdutório – não passa muitas vezes de uma crença, que nos dispensa da fadiga de pensar (Gustave Le Bon).

E eu, felizmente, tenho cabeça para pensar!

Por exemplo: O indivíduo que premeia distingue, partilha e promove por diversas ocasiões um candidato nas suas redes sociais.

Como dizia Scolari: “E o burro sou eu?”

Ricardo Soares

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *